Em 2020 eu fui selecionada para representar o Brasil no G20 Youth 20 (Y20) Summit. Esse caminho foi compartilhado com o Felipe Honorato e a Beatriz Mendes, dois incríveis jovens brasileiros. Para quem não conhece o Y20: o Y20 é um dos fóruns diplomáticos internacionais mais influentes para jovens líderes e a única plataforma oficialmente reconhecida para que os jovens se envolvam com o G20 em geral. O Y20, como parte da Cúpula do G20, reúne jovens líderes de países do G20 para discutir e debater a agenda dos Líderes do G20. O G20 é composto por 19 países e pela União Europeia. Os 19 países são Argentina, Austrália, Brasil, Canadá, China, Alemanha, França, Índia, Indonésia, Itália, Japão, México, Federação Russa, Arábia Saudita, África do Sul, Coreia do Sul, Turquia, Reino Unido e EUA.

O Y20 é um fórum para o desenvolvimento da cooperação entre as gerações futuras e fornece uma plataforma para que os jovens tenham suas vozes ouvidas sobre questões relevantes para a agenda dos líderes do G20. A edição de 2020 do Y20 Summit foi realizada de 15 a 17 de outubro e marcou o 10º aniversário da juventude tendo um assento na mesa de política global dos países do G20. As áreas prioritárias da edição de 2020 para cada delegação foram: Future Fit, Youth Empowerment, e Global Citizenship. Os delegados do Y20 desenvolvem suas habilidades e expandem suas redes à medida que identificam os desafios e oportunidades econômicos mais urgentes que os jovens enfrentam hoje. A edição de 2020 do Y20 Summit teve lugar (virtualmente devido à pandemia COVID-19) no Reino da Arábia Saudita, presidida por Othman Almoamar. Pela primeira vez, o Y20 Summit esteve disponível para um público global (https://youth20saudi.org/).

Como delegada do Brasil, meu papel não se limitava a ser uma observadora silenciosa. Como pesquisadora e acadêmica, tentei reunir dados para ter uma visão clara dos problemas e desafios que os jovens enfrentam e desenvolver soluções. Ao mesmo tempo, comecei a me reunir com outras delegações do Y20 para ouvi-las e aprender com elas. Aprendi suas histórias, perspectivas e experiências. E eu tenho que dizer: os delegados do Y20 da edição de 2020 são jovens incríveis, e eles realmente me inspiraram com suas ideias e vozes.

Atuei e liderei o tema de Cidadania Global (Global Citizenship), com foco no desenvolvimento sustentável e multiculturalismo. Contribui com muitos tópicos, especialmente com objetivos de desenvolvimento sustentável, diplomacia científica, migração e políticas de proteção de grupos vulneráveis. Negociei e defendi políticas que representassem não apenas as demandas da juventude brasileira, mas que impactassem a juventude de todo o mundo. Também fui escolhida para falar no Youth # G0 Talk Show #WhatWouldYouSay, representando o Brasil e compartilhando minha experiência com os objetivos de desenvolvimento sustentável. O show está disponível no canal Y20 no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=hp_8O6XKbeM

O Y20 teve palestrantes incríveis das mais diversas áreas do conhecimento. E todos desenvolviam atividades que eram capazes de impactar a juventude. Muitos compartilharam experiências e conselhos para que os jovens pudessem se envolver na construção de um futuro melhor. Ouvimos especialistas de diversas áreas, jovens líderes e líderes mundiais de todo o mundo. Até mesmo Antonio Guterres, secretário-geral da ONU, compartilhou sua palavra e apoio ao trabalho do Y20, reconhecendo a importância de ter as vozes dos jovens ouvidas.

Por último, mas definitivamente não menos importante, e após meses de preparação, reuniões eletrônicas e trabalho árduo, o Y20 se encerrou com a apresentação do comunicado final da edição de 2020, o qual que está disponível em https://youth20saudi.org/. Esse documento internacional foi apresentado aos líderes do G20 durante a própria cúpula deles, que também foi sediada na Arábia Saudita (https: //g20.org/en/Pages/home.aspx). As consultas para a reunião anual do G20 são conduzidas por meio de três vias. As discussões do governo acontecem sob as vias de Finanças e dos Sherpa. As organizações da sociedade civil participam por meio de Grupos de Engajamento. Os Grupos de Engajamento são coletivos independentes liderados por organizações do país anfitrião. Eles trabalham com outras organizações de países do G20 para desenvolver recomendações de políticas que são formalmente submetidas aos líderes do G20 para consideração. Os grupos de engajamento do G20 são:

  • Negócios 20 (em inglês Business 20 – B20), que representa o setor privado;
  • Juventude 20 (em inglês Youth 20 – Y20), que reúne jovens líderes de todos os países membros do G20;
  • Trabalho 20 (em inglês Labour 20 – L20), que inclui sindicatos de todos os países membros do G20;
  • Civil 20 (em inglês Civil 20 – C20), em representação de organizações da sociedade civil;
  • Mulheres 20 (em inglês Women 20 – W20), representando os interesses das mulheres;
  • Think 20 (T20), rede de think tanks e pesquisadores;
  • Ciência 20 (em inglês Science 20 – S20), que representa a comunidade científica;
  • Urbano 20 (em inglês Urban 20 – U20), que inclui prefeitos de cidades entre os representantes de cidades do G20;

A Presidência da Arábia Saudita escolheu o tema “Percebendo as Oportunidades do Século 21 para Todos” para esta Cúpula do G20 de 2020. Os três itens principais da agenda a serem tratados neste tema são: “Empoderando as Pessoas, criando as condições em que todas as pessoas – especialmente mulheres e jovens – podem viver, trabalhar e prosperar”; “Protegendo o Planeta, promovendo esforços coletivos para proteger nossos bens comuns globais”; e “Moldando Novas Fronteiras, ao adotar estratégias ousadas e de longo prazo para compartilhar os benefícios da inovação e do avanço tecnológico”.

Se você quiser saber mais sobre a comunidade Y20, acesse https://y20community.org/ e faça parte de uma comunidade de colegas em nível global para apoiar as carreiras e projetos uns dos outros. E não se esqueça: as inscrições para o processo seletivo para compor a delegação brasileira da edição de 2021 do Y20 estão abertas.

Participe do Y20: